21 de março de 2012

Poesia



Disseram-te que sem palavras morrerias
num ponto qualquer indefinido
de tristeza.
Por isso vens, todos os dias
nascer à beira do lago dos poemas
para que os poetas, descalços
te contemplem
e sorvam da  pureza dos teus verbos
os  versos
capazes de nutrir o coração dos homens.



13 comentários:

Rogério Pereira disse...

Venho aqui todos os dias
mas acho não ser
aquele a que te referias

Os poetas apenas me olham
sem esperar isso de mim

Nilson Barcelli disse...

Não me disseram, eu vejo... que a tua poesia é mesmo "capaz de nutrir o coração dos homens"...
Gostei muito, excelente querida amiga.
Beijinhos.

Mel de Carvalho disse...

Por isso, Joãozinha, volto sempre aqui.

Um beijo, rápido, mas sincero e sinceramente grata ao que nos uniu - a poesia, a escrita.

tua amiga, tua fã
Mel

Mar Arável disse...

Poetas somos todos

sendo certo que só alguns escrevem

BRANCAMAR disse...

Maria João,

Também o meu coração se nutriu destes teus versos.

Bela homenagem à poesia!

Beijos muito amigos.
Branca

Virgínia do Carmo disse...

Bela forma de falar dessa arte que nos nutre e que sublima a humanidade. Como é sempre bela a tua forma de dizer seja o que for.

Um terno beijinho!

Dulce disse...

Bela, muito bonita esta tua alusão à escrita, á poesia..gostei muito.

E por aqui também vislumbramos a pessoa maravilhosa que és João, e eu sou absolutamente previligiada por te ter ao lado, na caminhada que faço na minha vida..porque a verdade é que neste caminhar fazemos opções e estas contemplam necessáriamente pessoas e eu quero dar-te um abraço forte quando nos virmos pelo encontro que sempre me promoves quando te leio, é afinal, um sentido obrigado na forma terna de um abraço amigo.

Beijinho grande para ti.

Dulce

Lídia Borges disse...

Coração que se alimenta de poesia só pode ser um grande coração.

Beijo meu

A.S. disse...

Maria João,

Mesmo sem palavras, a poesia sobrevive, porque tem a dimensão e a essência da alma!

Abraços,
AL

Sonhadora disse...

Quem gosta de poesia...volta sempre para te sentir.


Um beijinho com carinho
Sonhadora

Jaime Latino Ferreira disse...

MARIA JOÃO


Querida Amiga,


Diz-me por favor
que a minha dor
no verbo destes versos
ganham cor


Um beijinho


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 24 de Março de 2012

Rosa Carioca disse...

Bela homenagem.

Bergilde disse...

Versos também consolam e como sabem consolar!
Abraços,