1 de março de 2011

Inspiração em Sophia



Luz e sol e pintura
sobre o telhado à noite a lua cresce
abro os olhos como um barco pelas ruas
no entanto outonece

Sophia de Mello Breyner Andresen, ilhas


Outonece tantas vezes, no azul
de uma sinuosa aguarela
perde-se a lua do sol
enquanto ele procura por ela

Maria João de Carvalho Martins


20 comentários:

manuela baptista disse...

se outonece

aprimavero-me

em mar
em sol
e até na lua
depois subo ao telhado

e sou um barco
e esta a minha rua


...inspiração na Maria João de Carvalho Martins, minha amiga

em dia de multiplicar poemas!

um beijo

manuela, também maria
mas ninguém sabe

Nova Civilização disse...

Mesmo as folhas caídas vão trilhando o nosso caminhar anunciando um novo dia nos fazendo sempre, sempre, acreditar que tudo é vida, é ciclo que nos faz transformar...

Amiga,

obrigada por sua sensibilidade que me faz, muitas vezes, mergulhar em mim.

beijinhos no coração

Gisele

Mel de Carvalho disse...

"Outounocemos" todos os dias, Joãozinha. Mas recomeçamos, por magia...

Daqui, onde recomeçam os sinos, e as avé-marias..."nos sinos replicados"

Sophia tão perto.

Beijo amiga
Mel

Carlos Albuquerque disse...

Quando os poetas se encontram a terra deixa de ser um deserto...
Um abraço.
--

Mar Arável disse...

... poeque existem tantos azuis

no azul que se deseja ...

Bjs

Jaime Latino Ferreira disse...

MARIA JOÃO


Querida Amiga,

Quando outonece assim, outonece muito bem!

Um beijinho


Jaime Latino Ferreira
Estoril, 1 de Março de 2011

Dulce AC disse...

"Outonece tantas vezes..."

Mas depois João...vem a Primavera,
e dá-nos sempre o Sol que precisamos...É a esperança que floresce de novo em nós, e quão maravilhoso é..!!

Beijinho grande.
Dulce

A.S. disse...

Maria João,

... até acontecer o eclipse... êxtase!


Um beijo,
AL

MariaIvone disse...

Quantos Outonos passam por nós enquanto outonecemos sem saber!

Obrigada Maria João pequenos detalhes que acrescenta ao meu outono.

bj

Mariazita disse...

Maria João
Outonoceste lindamente com Sophia.
Parabéns!

Continuação de boa semana. Beijinhos

Vieira Calado disse...

Não sabia desse verbo outonecer.

Pensei que só pudesse ser coisa de brasileiro...

Bjs

BRANCAMAR disse...

Querida Maria João,

Outonece tão bem contigo e com Sophia, que até se aprimaveram as cores do poente.

Pequenos-grandes detalhes de duas mulheres grandes, onde a alma transparece.

Beijinhos
Branca

Sofá Amarelo disse...

Outonoce no dealbar de uma Primavera por entre reflexos de azul e ocre enquanto os barcos deambulam pelas ruas navegando entre sinuosas aguarelas...

Ana Martins disse...

Boa noite Maria João,
com duas grandes poetisas só podia sair um dueto perfeito, lindo!

Beijinho e bom fim de semana,
Ana Martins

Filoxera disse...

Por vezes também escrevo poesia inspirada em poemas de outros. São os posts em que, como etiqueta, coloco "entre nós".
:-)
Beijos e bom fim-de-semana.

Linda Simões disse...

Perfeito o dueto, amiga!

Ficou lindo , lindo!

Parabéns.


Beijoquinhas de carinho

Linda Simões

. intemporal . disse...

.

.

. que dizer do dizer que aqui ao dizer se re.diz ? .

.

. eu digo que é raiz .

.

. e saio . na ascese do húmus profundo .

.

. um bom.domingo .

.

. um beijo meu .

.

. e outro para sophia .

.

.

Andy disse...

Amiga,
é linda esta tua inspiração nas palavras de Sophia!
adorei este mimo que deixaste também no Lua.

Abraço!

BRANCAMAR disse...

Maria João,

Volto para deixar beijinhos e saudades. Espero que esteja tudo bem contigo e que tenhas tido um bom fim de semana.

Com amizade
Branca

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Maria João, que linda postagem. A imagem é maravilhosa. Adorei o outonece.
Beijos com carinho.
Manoel.