10 de julho de 2010

Isto dá que pensar (6)




Não existe direito, dignidade, justiça ou moral...




... quando a punição de um crime é feita com outro crime.

Não existe nada, para além de insanidade!!


10 comentários:

Ana Martins disse...

Boa noite Maria João,
com muita tristeza minha sou forçada a dizer que infelizmente insanidade não falta por este mundo fora.

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

Lídia Borges disse...

Estas imagens tocam-nos de forma profunda. São elas próprias a procurar repor a sanidade mental que o Homem parece não ter.
Veio-me à ideia Mahatma Gandhi - "A Grande Alma"- e a sua filosofia da não violência.
Parece tão fácil de entender, mas é de tão difícil aplicação.

Lindo1

Um beijo

Rosa Carioca disse...

Será que algum dia, todos os países aplicarão punições educativas e eficientes?
Obrigada pela visita e pelo comentário.
Bom domingo.

AC disse...

Por todas as razões e mais uma, há coisas que convém lembrar, sempre!
Obrigado por ter feito a sua parte.

António Gallobar disse...

Olá amiga Maria João

Mais palavras para quê.

Relativamente a esta tematica, como sabe ando há cerca de três meses quase mal humurado, motivo a escrita do novo romance que atravessa a Segunda Guerra mundial, os amigos enviaram-me relatos, filmes, fotos que tenho andado a ver e como imagina tanta atrocidade junta, quase me retira por vezes força para tão grande empreitada, mas em nome dos que cairam e sofreram tenho que continuar este trabalho por muito que me custe. E por isso é bem como diz há muita insanidade...

Beijinho e bom Domingo

Sofá Amarelo disse...

Se há 'justiça? irreversível é a da pena de morte! No entanto, a (des) humanidade continua a jogar com alguns dos seus membros como se de pedaços inconvenientes se tratassem... porque a pena de morte é um acto e uma decisão sem retorno, só temos que gritar: FIM!!!

Nova Civilização disse...

Amiga,

é triste ver o quanto o homem pode perder-se na sua capacidade humana e lidar com a vida como um nada fosse...

obrigada pela partilha,

beijinhos e boa semana,

Gisele

Virgínia do Carmo disse...

Às vezes pergunto-me como podem no mesmo universo coexistir tanta sabedoria e tanta insanidade...

Um grande beijinho de cumplicidade e gratidão

Mariz disse...

Maria João

O Universo é inteligente, perfeito - sempre em evolução - e equilibrado.
Portanto, cada vez que na humanidade houver uma percentagem crescente de ricos, insanos, etc. vai havendo outra percentagem diametralmente oposta nem sempre em numero igual para que esse equilibrio se faça.
Como uma das Leis é o livre-arbítrio ou escolha, infelizmente as mentes escolhem o lado contrário ao da consciência. E é por isso e prevendo isso, que o planeta mais dia menos dia deixa de existir e no mundo novo só o iniciará os tais 144.000 como vem escrito.
Portanto, para os que se situam em conformidade com o que ouvem de SI (dentro) devem fazer a sua parte, para que o "ambiente" em que se vive seja menos terrível do que já se encontra.

deixo o meu abraço fechado
(E)ternamente...
Mariz

Mariz disse...

Maria João

Volto aqui porque o seu silêncio me fez sentir que talvez eu não fosse tão oportuna quanto desejaria...de quando em vez falo demais.
Peço desculpa.

É que a senti tão empolgada, que tomei a liberdade de lhe escrever o quanto isso pode mais tarde significar o contrário...porque o karma de cada um é diferente daquilo que possamos pensar. E é por isso que devemos perceber como efectuar essa ajuda.
Esta, pela minha parte ficarei sempre reconhecida.

Um abraço
Mariz